Tornou-se obrigatório que as empresas tenham uma poderosa presença online devido ao crescente número de usuários da Internet. Na verdade, existem mais de 4 bilhões de usuários de internet no mundo. E esses usuários procuram por todos os tipos de informações, grandes ou pequenas, na internet.

Portanto, não é surpresa que o Google receba mais de 71.000 consultas de pesquisa por segundo.

Os profissionais de marketing digital e os proprietários de sites precisam trabalhar muito para direcionar o tráfego para seus sites. Em outras palavras, eles se esforçam para obter seus sites para o topo das páginas de resultados do mecanismo de pesquisa (SERPs) para serem descobertos por esses usuários da Internet.

A maneira orgânica para alcançar um ranking elevado no mecanismo de busca é referido como Search Engine Optimization (SEO). Normalmente, otimizar seu website para as palavras-chave certas garante que ele apareça no topo das SERPs para consultas de pesquisa relevantes.

No entanto, um aumento no número de visitantes do site nem sempre garante aumento de receita ou lucros. Uma vez que um visitante entra em seu site, você precisará de mais algumas táticas para solicitar que ele realize as ações desejadas em uma determinada página da web.

A conversão de visitantes do website em clientes reais depende da experiência do usuário, do conteúdo e de outros fatores em seu website. Isso exige um conjunto diferente de estratégias, chamado de otimização da taxa de conversão (CRO).

Os profissionais de marketing frequentemente se deparam com o desconcertante dilema de escolher entre CRO e SEO. Eles ficam divididos entre otimizar um website para aumentar o tráfego orgânico ou aumentar as conversões. Uma comparação entre CRO e SEO também revela muitas áreas sobrepostas. Antes de discutirmos mais sobre quem supera quem na batalha de CRO e SEO, vamos dar uma olhada em cada conceito em detalhes.

Como Você Pode Combinar Estratégias de CRO e SEO?

SEO: Impulsiona o Tráfego Orgânico

SEO refere-se a um conjunto de estratégias que se concentram em gerar mais tráfego orgânico dos mecanismos de pesquisa para o seu site. É um processo de longo prazo que é útil para estabelecer seu site (e sua marca) como uma autoridade em determinados assuntos.

Quando executado corretamente, o SEO cria reconhecimento de marca, reforça a credibilidade e aumenta a fidelidade do cliente. No entanto, as táticas de SEO costumam levar algum tempo antes de os resultados começarem a aparecer.

O SEO envolve diferentes técnicas, como pesquisa de palavras-chave, meta tags, criação de conteúdo e criação de links. Palavras-chave e conteúdo de alta qualidade formam a base do SEO.

A primeira tarefa é identificar palavras-chave relevantes e populares que você deseja classificar. Depois de escolher algumas palavras-chave, faça uma análise completa para validar suas palavras-chave. Se uma palavra-chave exigir que você concorra com sites de alta autoridade, ela pode não ser um complemento ideal para sua estratégia de SEO.

O próximo passo é otimizar o conteúdo do seu site, incorporando as palavras-chave selecionadas. O conteúdo deve ser exclusivo, livre de erros e significativo. Um leitor deve ser capaz de obter algum valor do conteúdo que você publica.

É importante abster-se de negligência, como recheio de palavras-chave e duplicação de conteúdo. Tais práticas podem ter seu site penalizado e até mesmo banido dos mecanismos de pesquisa.
Além do conteúdo, os mecanismos de pesquisa levam em consideração vários outros fatores ao determinar os resultados de qualquer consulta de pesquisa.

Um desses fatores críticos é o perfil do link de entrada do seu site. Uma grande quantidade de backlinks genuínos indica que seu conteúdo está sendo valorizado e apreciado pelos leitores. Você pode usar mídias sociais, guest blog e marketing de influência para ganhar backlinks autênticos.

O design geral e a velocidade do seu site também podem afetar o ranking do seu mecanismo de pesquisa. Velocidade de página lenta resulta em altas taxas de rejeição e menores tempos de permanência. Essas métricas indicam que seu website não pode manter um visitante envolvido. Além disso, seu website deve ser de fácil utilização e responder a dispositivos móveis.

Outros fatores cruciais que contribuem significativamente para as classificações do mecanismo de pesquisa incluem a arquitetura do site e as meta tags. Você deve garantir que todas as suas páginas sejam indexadas corretamente, tornando mais fácil para os robôs dos mecanismos de busca descobri-las. Além disso, todas as páginas da web devem ter metatags que incorporem palavras-chave relevantes.

CRO: Aumenta Conversões e Receita

CRO é um processo de aumentar a porcentagem de visitantes do site que realizam uma ação desejada em uma determinada página da Web, fazendo certas otimizações. A ação desejada pode ser na forma de comprar um produto, valer-se de um serviço ou inscrever-se em um boletim informativo.

Em palavras simples, o CRO é um sistema de conversão de um visitante do site em um cliente.

O CRO exige uma compreensão profunda de como os visitantes navegam pelo seu site e o que os impede de executar a ação desejada. Ele se concentra na otimização da home page e das páginas de destino para gerar mais conversões. Ele depende muito de dados de análise para determinar como os visitantes estão interagindo com seu website.

Um dos passos importantes é criar uma experiência de usuário de alta qualidade. Os visitantes devem poder navegar facilmente pelo seu site e localizar informações relevantes que os levem a tomar as medidas necessárias.

A velocidade da página é um fator igualmente crucial para o CRO. Uma página da Web que leva tempo para carregar não conseguirá converter visitantes em clientes.

O conteúdo também desempenha um papel importante ao manter a atenção daqueles que visitam suas páginas de destino. Deve ser simples e direto, transmitindo informações relevantes sobre seus produtos ou serviços. Não deve ser puramente promocional. Em vez disso, deve indiretamente buscar visitantes para tomar as ações necessárias em seu site.

Suas páginas de destino também devem ter um botão de chamado a ação (CTA) proeminente para atrair visitantes. Seu posicionamento e aparência têm um grande impacto na taxa de conversão.

Por exemplo, um pequeno botão de apelo à ação localizado no final de uma página de destino pode passar despercebido, já que a maioria dos visitantes não rola até o final da página. A cópia usada em um botão de CTA deve ser nítida e concisa, comunicando a mensagem alta e clara.

O CRO também envolve extensos testes A / B para determinar quais elementos de design estão trabalhando a seu favor. Normalmente, você precisa projetar e testar diferentes versões da mesma página de destino com pequenas variações de cópia, gráficos, layout, etc. A versão que oferece melhores conversões é aquela que você deve finalizar.

CRO e SEO: Diferenças-chave

É evidente que os objetivos finais do CRO e SEO são diferentes. O SEO se concentra em aumentar o número de visitantes do site de uma maneira natural. Como eles interagem e se envolvem com seu website não se enquadram diretamente no SEO.

Por outro lado, o CRO tem como objetivo melhorar a taxa de conversão, solicitando que os visitantes realizem ações necessárias em seu site. Não tem um impacto direto no número total de usuários que visitam seu website.

Outra diferença notável entre o CRO e o SEO é que o primeiro envolve um teste A / B completo para determinar qual versão de uma página de destino oferece a maioria das conversões.

Ao contrário do SEO, o CRO não depende do desenvolvimento de links fora da página. Da mesma forma, as palavras-chave não desempenham um papel fundamental no CRO. Em vez disso, ele se concentra na otimização on-page, em termos de conteúdo e design. Embora o CRO tenha um impacto direto na receita, o mesmo pode não ser verdade para o SEO.

Também vale a pena ressaltar que o CRO é imune a quaisquer mudanças nos algoritmos dos mecanismos de busca. O mesmo não é verdade para o SEO. As principais atualizações do algoritmo do mecanismo de pesquisa geralmente exigem uma revisão completa de sua estratégia de SEO.

CRO e SEO: Onde Eles se Sobrepõem?

As diferenças entre CRO e SEO são muitas. No entanto, apesar desta distinção, existem certas áreas em que CRO e SEO se cruzam. Em primeiro lugar, ambas as técnicas exigem conteúdo de qualidade e um design de site fácil de usar. A velocidade da página, a arquitetura do site e a capacidade de resposta dos dispositivos móveis afetam o ranking do mecanismo de pesquisa e a taxa de conversão.

CRO e SEO dependem uns dos outros para o seu sucesso.

Na ausência de tráfego significativo no website, seus esforços de CRO não renderão muita receita. Da mesma forma, aumentar o tráfego para páginas de destino irrelevantes também reduz as taxas de engajamento e conversão. Por outro lado, uma página da web otimizada para conversões provavelmente ganhará backlinks, uma vez que os visitantes a consideram valiosa e útil.

Além disso, tanto o CRO quanto o SEO se concentram em melhorar as taxas de rejeição das principais páginas da Web. Uma alta taxa de rejeição indica que a página da Web não pode prender a atenção dos visitantes. Isso significa que os visitantes deixarão o site sem executar a ação desejada. Isso também resulta em uma queda no tráfego do site devido à baixa classificação do mecanismo de pesquisa.

Como é evidente, CRO e SEO estão interligados no sentido de que o bom SEO fortalece ainda mais os seus esforços de CRO. Da mesma forma, otimizar seu site para conversões, por sua vez, dá nova vida à sua estratégia de SEO. Agora é hora de responder à pergunta que tem atormentado comerciantes e proprietários de sites.

CRO e SEO: Quem é o Vencedor Final?

Vejamos um exemplo para responder a essa pergunta. A Ahrefs publicou um post de alta qualidade intitulado “Como obter backlinks de alta qualidade: 7 táticas que não exigem novo conteúdo”. Joshua Hardwick, autor do post, pretendia segmentar a palavra-chave “backlinks de alta qualidade"

O artigo conseguiu um ranking na terceira página do Google. O único problema foi que a página da web classificou para "como ficar muito louco" em vez da palavra-chave desejada.

É óbvio que o conteúdo deste post não será relevante para as pessoas que estão procurando maneiras de ficar chapadas. Como resultado, é obrigado a experimentar altas taxas de rejeição. Eventualmente, seu ranking pode cair.

A razão por trás disso é que os algoritmos do Google perceberão que a página da Web não conseguiu fornecer informações relevantes para a consulta de pesquisa pretendida.

O maior destaque deste exemplo é que apenas um ranking elevado do mecanismo de pesquisa não é suficiente. Em vez de maximizar o tráfego do website, é importante atrair visitantes qualificados para o seu site. São esses visitantes que irão encontrar o seu conteúdo e produto ou serviço útil. Mesmo que tal abordagem resulte em uma queda no tráfego orgânico do site, é mais provável que ele obtenha alguns lucros.

Como discutido anteriormente, para que as conversões aconteçam, seu site exige uma classificação suficientemente alta no mecanismo de pesquisa. No entanto, você deve ser cauteloso ao selecionar palavras-chave e otimizar seu conteúdo usando-as.

Sendo interdependentes, CRO e SEO não podem ter sucesso sozinhos. Isso significa que, em vez de escolher o vencedor entre CRO e SEO, você deve se concentrar em obter um bom equilíbrio entre os dois.

CRO e SEO: Uma Abordagem Integrada

O objetivo final da maioria das empresas é gerar conversões e obter lucros. Uma forte presença on-line e um alto ranking nos mecanismos de busca contribuem significativamente para esse objetivo. Assim, os profissionais de marketing digital devem buscar uma abordagem ideal que combine o melhor do CRO e do SEO.

Segmente as Palavras-chave Certas

Como é evidente no exemplo da Ahrefs, uma alta classificação no mecanismo de busca não é suficiente. É mais importante classificar as palavras-chave certas que atrairão clientes em potencial para seu website. Você deve ter uma compreensão clara do seu público-alvo e das consultas de pesquisa que eles provavelmente usarão. Use palavras-chave de cauda longa para segmentar um público-alvo mais específico nos mecanismos de pesquisa.

Otimize as Páginas Certas

Determinadas páginas do seu site, como as páginas de carrinho e de pagamento, têm menor probabilidade de receber tráfego direto dos mecanismos de pesquisa. É mais crucial tornar essas páginas amigáveis ​​e rápidas para melhorar a experiência geral do usuário. Trabalhar com conteúdo e otimização de palavras-chave para essas páginas não é tão necessário.

Por outro lado, o blog e as páginas de perguntas frequentes do seu site têm grandes chances de serem descobertos nos mecanismos de pesquisa. Essas páginas devem fornecer conteúdo de alta qualidade e significativo que seja valioso para o leitor. O conteúdo deve ser otimizado para as palavras-chave que você deseja classificar.

Assim, é importante ter uma compreensão clara de quais partes do seu site devem ser otimizadas para as consultas de pesquisa e quais partes das conversões. Use seu julgamento e discrição para determinar o objetivo de cada página em seu website. Otimize-os de acordo com o CRO e o SEO.

Design de Fácil Utilização

Os motores de busca querem oferecer a melhor experiência aos seus usuários. Portanto, mesmo para conteúdo semelhante, eles dão preferência a um site que ofereça melhor experiência do usuário (UX). O UX aprimorado também é útil para melhorar o engajamento do visitante e gerar mais conversões.

Alguns dos principais fatores incluem a velocidade da página, a facilidade de navegação e a capacidade de resposta para dispositivos móveis. Use o Google PageSpeed ​​Insights e as ferramentas de teste de compatibilidade com dispositivos móveis para determinar as principais áreas que precisam ser melhoradas. Incorpore gráficos e vídeos atrativos no design de seu website para prender a atenção de um visitante.

O Conteúdo Ainda é Importante

O CRO e o SEO dependem de conteúdo de alta qualidade. O CRO exige conteúdo lúcido e direto para comunicar a mensagem da sua marca com eficácia. O SEO se concentra na otimização de conteúdo exclusivo para palavras-chave específicas.

Em geral, para CRO e SEO, o conteúdo deve ser livre de erros e simples. Use imagens e vídeos relevantes entre parágrafos para tornar seu conteúdo mais envolvente.

Chamado a Ação (CTA)

Um botão de chamado a ação informa os visitantes sobre as possíveis ações que podem realizar no seu site. Já discutimos como é importante gerar conversões. No entanto, seu uso não deve ser limitado a determinadas páginas, como produtos / serviços, carrinho e checkout.

Você pode até usar uma chamada para ação em páginas de conteúdo, como blogs e perfil da empresa. Por exemplo, você pode usar um pop-up em sua postagem de blog que incentiva os leitores a se inscreverem em seus boletins informativos.

Da mesma forma, no final de um artigo, você pode pedir aos leitores para verificar serviços ou produtos relacionados ao tópico do artigo ou ler mais conteúdo relacionado.

A Moz usa essa estratégia para direcionar visitantes de suas postagens de blog para suas páginas de produtos. Embora o botão de chamado a ação seja colocado na parte inferior, o conteúdo de alta qualidade envolve os leitores e os motiva a rolar até o final.

Teste A / B

O CRO usa testes A / B extensivamente para determinar quais páginas da web provavelmente fornecerão o máximo de conversões. Os dados desses testes também podem ser usados ​​para atrair visitantes provenientes de mecanismos de pesquisa. Isso melhora a taxa de rejeição, causando um impacto positivo na classificação do mecanismo de pesquisa de seu website.

Conclusão

CRO e SEO não são mutuamente exclusivos; eles são destinados a complementar um ao outro. SEO é um pré-requisito para o sucesso das estratégias de CRO. Na ausência de tráfego orgânico dos mecanismos de pesquisa, gerar conversões é uma tarefa difícil. No entanto, levar os visitantes a páginas da web lentas e irrelevantes com um layout ruim não renderá receita alguma.

Em suma, SEO é tudo sobre trazer mais visitantes ao seu site. O CRO, por outro lado, é a maneira como você trata esses visitantes assim que eles acessam seu website e inserem seu funil de vendas.

Em vez de pesar os prós e contras do CRO e do SEO e tentar escolher entre eles, os profissionais de marketing devem se concentrar em uma abordagem integrada.

Segmente palavras-chave específicas para atrair visitantes mais qualificados para seu website. Da mesma forma, use os dados dos testes de divisão do CRO para envolver esses visitantes e melhorar sua classificação de pesquisa. Um bom equilíbrio entre CRO e SEO é fundamental para determinar o sucesso do seu negócio.

Qual a sua opinião sobre CRO e SEO? Qual, de acordo com você, é mais importante para os profissionais de marketing digital de hoje? Compartilhe suas opiniões na seção de comentários abaixo.

Postar Comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

Postagem Anterior Próxima Postagem