Muitos dos seus assinantes seguem blogs diferentes. Portanto, não se surpreenda se eles esquecerem seu blog antes do final do mês.

Com toneladas de conteúdo na Web, aposto que alguns de seus inscritos acessam seu site apenas uma vez por mês, ou uma vez a cada poucos meses, ou talvez nunca.

Quando se depara com esse dilema, como você mantém seu blog no radar de seus assinantes? Como você se certifica de que eles continuem voltando para mais visitas?

Se você respondeu “escrevo artigos mais interessantes na esperança de que meus assinantes irão descobrir milagrosamente meu conteúdo”, então você não tem exatamente a ideia certa.

Hoje em dia, se você quiser que os inscritos sejam informados e atualizados, tente um simples e-mail.

Não, não estamos falando de qualquer e-mail. Pense nas campanhas de e-mails por gotejamento destinados a alimentar seus inscritos por um período de tempo.

O QUEEE?????

Para os que não sabem, as “campanhas por gotejamento” são uma série de e-mails que contêm informações de marketing destinadas a adquirir clientes. Esses e-mails são sequenciados e enviados por um período de tempo.

Se você já viu uma série de e-mails promocionais em sua caixa de entrada, é provável que eles façam parte de uma campanha de e-mail por gotejamento.

Como Criar Campanha de E-mails Por Gotejamento Que São Abertos e Lidos

Porque Você Deve Começar Uma Campanha de Gotejamento Para o Seu Blog?

Se você quiser que seus assinantes se lembrem do seu blog, as campanhas de gotejamento são o caminho a percorrer. Uma boa campanha de gotejamento pode melhorar as conversões, aumentar as CTRs (taxas de cliques) e direcionar muito tráfego para seu site.

A questão é que, se você não está criando uma campanha por gotejamento, está perdendo muita coisa.
Então, como você começa?

A postagem do blog de hoje se concentrará em como criar suas próprias campanhas de gotejamento.

Como criar uma campanha de e-mail de gotejamento

1. Defina seus objetivos.

Este é um passo muito importante. Se você não conhece os objetivos de sua campanha, como avaliará se sua campanha é bem-sucedida ou falha? Como você pode medir seu progresso? Como você pode determinar se sua campanha está mudando?

Uma coisa que você deve fazer ao determinar seus objetivos é manter seu propósito em mente.

Pergunte a si mesmo:
  • Qual é o objetivo desta campanha?
  • O que eu quero que meus leitores façam como resultado da minha campanha de e-mail?
  • Como esses e-mails afetarão meus leitores?
  • Como vou fazer meus leitores agirem?
Desde o início, você precisa conhecer as respostas a essas perguntas para poder formular objetivos que estão no ponto.

Depois disso, escolha o tipo de campanha por gotejamento que corresponderá aos objetivos da sua campanha.

2. Determine sua sequência de gotejamento.

Quando você cria uma campanha de e-mail, não espera que sua campanha comece e termine com um e-mail. Afinal, você não espera que os assinantes se tornem clientes da noite para o dia. Na realidade, você precisa convencê-los de que seu conteúdo ou produto vale a pena depois de mais alguns e-mails.
Mas, do que você falaria no primeiro, segundo, terceiro ou quarto e-mail?

Como você deve organizar esses e-mails?

A primeira coisa que você precisa lembrar é que esses e-mails servem como um caminho. O objetivo desses e-mails é fazer seus assinantes agirem. Seja comprando seu produto ou lendo suas dicas, a questão é que você quer que seus leitores ajam.

Digamos que sua campanha de gotejamento incentive seus inscritos a fazer um curso. Dê uma olhada nesta sequência de gotejamento do Neil Patel para seu Programa de Marketing Avançado:
  • E-mail 1: Aldenir: Notícias de Última Hora
  • E-mail 2: Participe das minhas chamadas de marketing semanais (urgente: fechando hoje)
  • E-mail 3: 4 horas restantes ... lembrete final
Como o objetivo da campanha é conseguir que os leitores participem antes do prazo, Neil Patel envia e-mails regularmente para garantir que seus inscritos estejam bem cientes.

A linha inferior é que você precisa criar uma sequência que incentivará seus clientes a agir.

3. Escreva uma linha de assunto irresistível.

A linha de assunto é um dos elementos mais importantes de um e-mail. Afinal, se você não captura a tenção dos leitores imediatamente, quais são as chances de eles clicarem no seu e-mail? Como sua campanha de marketing por e-mail competirá com dezenas de outros e-mails que eles normalmente recebem? Como você vai causar uma boa impressão?

A resposta:

Uma linha de assunto irresistível.

O primeiro passo para uma linha de assunto ideal é autenticidade. Se você não sabe ao certo por onde começar, comece abordando os clientes por seus nomes. Isso adicionará um toque pessoal. Aqui estão alguns bons exemplos dos e-mails que recebi de Neil Patel:
  • Aldenir: FALTA APENAS UM DIA
  • Aldenir, obrigado por tudo!
Como você se sentiria vendo essas linhas de assunto? Aposto que você se sentiria um pouco tocado, já que esses e-mails parecem ter sido feitos apenas para você.

Então, qual é a moral da história?

Você deve escrever linhas de assunto que podem fazer seus leitores pararem e se interessarem pelo seu e-mail.

4. Escreva uma mensagem convincente.

Agora é hora de começar com a parte mais desafiadora: escrevendo o e-mail.

Para garantir que seus e-mails sejam lidos, é importante mantê-los curtos e agradáveis.

Na verdade, de acordo com pesquisas, os e-mails com uma taxa de resposta de 50% têm um número estimado de 50 a 125 palavras e uma linha de assunto de 3 a 4 palavras. Não é de surpreender que, como seus inscritos não têm tempo para ler e-mails longos, é importante criar um e-mail que eles possam entender com o recurso de skimming.

Tente usar palavras que importam. Falar sobre:
  • O que torna seu conteúdo especial?
  • Por que seus inscritos devem ler seu conteúdo?
  • Como seu conteúdo tornará sua vida melhor?
Certifique-se de usar um tom de conversa.

Deixe-os saber que você está fornecendo uma solução.

Mas não se esqueça de criar uma cópia criativa e atraente.

5. Inclua um CTA (chamado a ação) matador.

O objetivo final de cada e-mail é fazer com que os leitores cliquem no BOTÃO.

E por "o botão", queremos dizer o botão de chamado a ação (CTA).

Então, como você faz seus leitores clicarem no seu CTA?

O primeiro passo é usar palavras orientadas para a ação. Como os CTAs devem fazer seus assinantes agirem, você precisa usar uma linguagem que os faça agir naquele momento.

aqui estão alguns exemplos:
  • Inscreva-se agora!
  • Comprar
  • Visite o site
O segundo passo é garantir que seja perceptível. Isso não significa que seu CTA deve ser grande, em negrito e vermelho. Os CTAs podem ter qualquer tamanho e cor.

Mas não pode ser ignorado.

Se seus leitores puderem ver o CTA assim que abrirem o e-mail, é bom.

Planeje sua campanha de gotejamento

Agora que você sabe o que é preciso para criar uma campanha por gotejamento, é hora de começar a planejar sua própria campanha.

Não se preocupe se o processo parecer um pouco demais. Apenas domine o básico e você ficará melhor com tempo e esforço.

No geral, escreva e-mails que você gostaria de ler. Seja interessante e criativo.

Então, qual é a campanha de gotejamento que você deseja criar? Deixe-nos saber comentando abaixo!

Postar Comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

Postagem Anterior Próxima Postagem